Postagens

Mostrando postagens de Janeiro, 2015
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Escola de Profetas: O conteúdo da Palavra (3ª aula)

Imagem
Escola de Profetas: O conteúdo da Palavra (3ª aula)

A Bíblia é composta por 66 livros, sendo que 39 deles estão no Antigo Testamento e 27 no Novo Testamento. Possui cerca de 40 escritores e foi escrita num período de quase dois milênios. Não se contradiz, possui harmonia entre os livros, que se completam. Não se pode ter um 67º livro, pois não há nenhuma revelação fora do que já foi escrito.
Em termos cronológicos, o livro de Jó, talvez seja o mais antigo. Porém, os livros que estão no começo da Bíblia são os Pentateucos, escritos por Moisés. Moisés é um tipo de Cristo (confira Dt 18.18-19) e toda revelação que se sucede tem por base o Pentateuco. Josué escreveu seu livro como continuação dos livros anteriores. Cada novo ministro que teve a honra de ser um dos 40 escritores da Bíblia, conhecia os livros já escritos. Exceto Moisés, todos os demais escreveram tendo por base o que já havia sido escrito antes. É assim até o Novo Testamento, que possui mais de 1500 textos que são citações do…

Escola de Profetas: Ministros da Palavra (2ª aula)

Imagem
Escola de Profetas: Ministros da Palavra (2ª aula)

(continuação)

No Antigo Testamento a Palavra de Deus é proclamada pelos profetas; aí temos o ministério dos profetas. Na peregrinação terrena do Senhor Jesus, a Palavra de Deus tornou-se carne; assim, temos o ministério do Senhor Jesus. No Novo Testamento a Palavra de Deus é proclamada pelos apóstolos; como resultado, temos o ministério dos apóstolos.
O Ministro da Palavra nos Evangelhos: O Senhor Jesus
Anteriormente Deus empregava a voz dos homens para proclamar Sua Palavra. No Antigo Testamento a Palavra vinha sobre os homens. A Palavra e o ministro eram duas coisas distintas. Não foi assim com o Senhor Jesus, ele é a Palavra encarnada. Ele próprio era a Palavra de Deus (Jo 1.14). Tudo o que Ele fez e disse era inteiramente a Palavra de Deus. Seu ministério era o ministério da Palavra de Deus.

Com o Senhor Jesus, a Palavra de Deus usou não somente uma voz humana, mas também os pensamentos, sentimentos e opiniões. Deus não queria que …

Escola de Profetas: Ministros da Palavra (1ª aula)

Imagem
Escola de Profetas: Ministros da Palavra  (1ª aula)

Deus usa um método para proclamar sua Palavra. Ele usa homens. Embora Deus tenha se servido de anjos para falar ao seu povo, sua preferência é usar homens. Esses homens devem ser devidamente tratados e quebrantados para que a mensagem seja pura. Qualquer acréscimo humano, a mensagem perde sua eficácia. Assim é o serviço do ministério da Palavra, servir as pessoas com a Palavra pura de Deus. ‘Ministério’ aponta para a função, enquanto ‘ministro’ fala sobre o indivíduo. O ministério da Palavra ocupa um lugar importante na obra de Deus.
Em toda Bíblia podemos encontrar três tipos diferentes de pessoa, as quais Deus usa para pregar a Palavra: 

No Antigo Testamento a Palavra de Deus é proclamada pelos profetas; aí temos o ministério dos profetas. Na peregrinação terrena do Senhor Jesus, a Palavra de Deus tornou-se carne; assim, temos o ministério do Senhor Jesus. No Novo Testamento a Palavra de Deus é proclamada pelos apóstolos; como resul…